Paróquia Santa Luzia

Paróquia Santa Luzia
...

29 de mai de 2014

Sexta-feira da 6ª semana da Páscoa

(Jo 16,20-23a)




Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos:

20“Em verdade, em verdade vos digo: Vós chorareis e vos lamentareis, mas o mundo se alegrará; vós ficareis tristes, mas a vossa tristeza se transformará em alegria. 21A mulher, quando deve dar à luz, fica angustiada porque chegou a sua hora; mas, depois que a criança nasceu, ela já não se lembra dos sofrimentos, por causa da alegria de um homem ter vindo ao mundo.

22Também vós agora sentis tristeza, mas eu hei de ver-vos novamente e o vosso coração se alegrará, e ninguém vos poderá tirar a vossa alegria. 23aNaquele dia, não me perguntareis mais nada”.

===============================

Comentário do dia: São Bernardo (1091-1153), monge cisterciense, doutor da Igreja. Homilias sobre o Cântico dos Cânticos, Nº 37







«Haveis de estar tristes, mas a vossa tristeza há-de converter-se em alegria»

«À ida vão a chorar levando a semente.» Mas chorarão para sempre? Certamente que não: «Ao regressar, voltam cantando, trazendo os feixes de espigas» (Sl 125,8). E têm motivo para se alegrar, pois levarão feixes de glória. Mas, direis vós, isso só vai acontecer no último dia, no momento da ressurreição, e a espera é longa. Não desanimeis, não cedais a essas infantilidades. Enquanto aguardais, recebereis suficientes «primícias do Espírito» (2Cor 1,22) para colherdes desde já na alegria. Semeai na justiça, diz o Senhor, e colhereis a esperança da vida. Ele não vos relega para o último dia, quando tudo vos será dado realmente, e já não na esperança; está a falar do presente. Claro, a nossa felicidade será grande, a nossa alegria infinita, quando começar a verdadeira vida; mas a esperança de uma tão grande felicidade não pode existir sem que haja alegria desde já.

===============================

Responsório (Sl 46)

— O Senhor é o grande Rei de toda a terra.

— Povos todos do universo, batei palmas, gritai a Deus aclamações de alegria! Porque sublime é o Senhor, o Deus Altíssimo, o soberano que domina toda a terra.

— Os povos sujeitou ao nosso jugo e colocou muitas nações aos nossos pés. Foi ele que escolheu a nossa herança, a glória de Jacó, seu bem-amado.

— Por entre aclamações Deus se elevou, o Senhor subiu ao toque da trombeta. Salmodiai ao nosso Deus ao som da harpa, salmodiai ao som da harpa ao nosso Rei!

Nenhum comentário:

Postar um comentário