Paróquia Santa Luzia

Paróquia Santa Luzia
...

27 de mar de 2012

Retiro Espiritual de Quaresma XXI



RUMO À PÁSCOA DO SENHOR
28 DE MARÇO - TRIGÉSIMO PRIMEIRO  DIA


Oração Inicial

Divino Espírito Santo dai-me um coração grande aberto à Vossa silenciosa e forte palavra inspiradora; fechado a todas as ambições mesquinhas; alheio a qualquer desprezível competição humana; compenetrado do sentido da Santa Igreja! Um coração grande e desejoso de se tornar semelhante ao Coração do Senhor Jesus! Um coração grande e forte para amar a todos, para servir a todos, para sofrer por todos! Um coração grande e forte para superar todas as provações, todo o tédio, todo o cansaço, toda a desilusão, toda a ofensa! Um coração grande, forte e constante até o sacrifício, quando for necessário! Um coração, cuja felicidade é palpitar com o Coração de Cristo e cumprir humilde, fiel e virilmente a Vontade Divina.Amém! (Papa Paulo VI)


OFERECIMENTO Oferecemos, ó Bom Jesus, este momento de oração em honra de seu precioso sangue derramado na cruz. Conceda-nos a graça de nunca nos afastarmos de vós. Pedimos que este retiro sirva para nossa conversão pessoal e a de muitos outros irmãos e irmãs, especialmente aqueles que estão afastados de vossa presença. Oferecemos também pelos pastores da nossa Igreja. Que eles tenham forças para superar todas as dificuldades e que se mantenham firmes na sublime vocação que receberam. Mantenha Senhor, em nós o desejo ardente de sempre estar na tua presença e que nós sejamos fiéis a ti, para proclamarmos o vosso nome em todos os lugares e situações. Amém. (Pe Elenivaldo)
Leitura bíblica: I Cor 1, 22-24

22 Os judeus pedem sinais e os gregos procuram a sabedoria; 23 nós, porém, anunciamos Cristo crucificado, escândalo para os judeus e loucura para os pagãos. 24 Mas, para aqueles que são chamados, tanto judeus como gregos, ele é o Messias, poder de Deus e sabedoria de Deus.
 

Meditação: “Que sentiste, Senhora, ao veres assim o teu Filho?, perguntamos-lhe na intimidade da nossa oração. Olho para ti, e não encontro palavras para falar da tua dor. Mas entendo que, ao veres o teu Filho que necessita dessa tua dor, ao compreenderes que os teus filhos necessitamos dela, aceitas tudo sem vacilar. É um novo «faça-se» na tua vida, um novo modo de aceitares a corredenção. Obrigado, minha Mãe! Dá-me essa atitude decidida de entrega, de esquecimento próprio absoluto. Que diante das almas, ao aprender de ti até onde chegam as exigências da corredenção, tudo me pareça pouco. Mas lembra-te de vir ao meu encontro, no caminho, porque sozinho não saberei seguir adiante” (M. Montenegro, Vía Crucis, IVª estação.)



Preces:
1. Senhor, que nos prometestes um novo céu e uma nova terra, renovai-nos sem cessar por vosso Espírito Santo, para que gozemos eternamente da vossa presença na Nova Jerusalém.
2. Livrai-nos, Senhor, de todo mal, e preservai-nos do fascínio da vaidade, que obscurece a mente e oculta os verdadeiros valores.
3. Ó Senhor, que saibamos reconhecer em ti, a sabedoria e o amor que nos leva ao Pai.

Pai nosso
Ave Maria
Oração do dia: Ó Deus de misericórdia, iluminai nossos corações purificados pela penitência. E ouvi com paternal bondade aqueles a quem dais o afeto filial. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário